quinta-feira, 16 de junho de 2011

Minha, talvez sua, derrota


Ainda tenho minhas dúvidas.
Eu sei que sou uma pessoa que sempre se apegou muito rápido.
Talvez ninguém saiba, nem imaginam. Qualquer sorriso, um abraço e um beijo na testa, que já estou ali, prendida a algo que provavelmente seja falso.
Pode ser que seja muito rápido eu tirar conclusões precipitadas, mas.. Bem melhor do que criar expectativas falsas, não é?
Já disse o quanto odeio acreditar tanto em algo, que na minha cabeça acaba se tornando algo verdadeiro?! Então.. É disso que eu me refiro.
Não tem coisa pior do que quebrar a cara. Mentira. Tem sim.
Quando, ainda, tem uns maldosos por aí que fazem questão de ajuntar seus cacos caídos e cortar ainda mais a sua cara.
Mas é ai que eles erram e se enganam. Mal sabem que amanhã poderá ser eles, você, se decepcionando com algo que realmente se importe.
E eu, vou estar rindo, cortando sua cara com os cacos da sua derrota, talvez até, se lamentando pela minha.

Beijos, S.

2 comentários:

  1. Eu sou meio assim as vezes..=c
    se puder leia o memoria reprimida..(=

    ResponderExcluir
  2. www.memoriareprimida.blogspot.com

    ResponderExcluir